Dicas para organizar a sua primeira reunião com o seu advogado

Você precisa de um advogado? Pergunte aos seus amigos, familiares e colegas se conhecem alguém. É melhor obter uma recomendação de quem você confia em vez de contratar um advogado que gasta muito em campanhas promocionais. Se não conseguir uma recomendação, faça alguma pesquisa de fundo sobre diferentes advogados, mas tentar evitar um advogado que não tenha uma área específica de direito que não seja especializada é um risco. A lei do bem que justifique a realizar atividades de pesquisa onde isso melhora a competitividade. E para entender mais sobre como selecionar a escolha de um advogado, leia o artigo com as informações sobre o assunto.

Entreviste todos os candidatos

Entrevistar, conhecer alguns advogados antes de contratar, falar pessoalmente com cada um pode lhe dar a oportunidade de ver se vai haver boa relação com eles. É também uma boa oportunidade para fazer perguntas-chave que poderá ajudar você a tomar uma decisão adequada. Você pode consultar o site da OAB do seu estado pois lá poderá obter informações sobre o profissional que quer contratar e poderá saber por exemplo se ele está com a licença suspensa ou foi caçada definitivamente.

Escolher um advogado ou uma assessoria jurídica a depender o que você quer resolver onde a disponibilidade deverá ficar clara para esclarecer suas dúvidas e suprir as expectativas em relação ao seu caso. Alguns advogados estão dispostos a ter uma reunião de 30 minutos com você sem custos. Se você está enfrentando um assunto legal, você só quer o melhor do seu lado.

Acreditar você pode ter um processo judicial, é necessário ligar para um desses advogados, embora haja profissionais sejam qualificados, podem não ser autorizados a exercer advocacia no seu estado, dependendo de onde fizeram o exame da ordem dos advogados. Não esquecer de pesquisar. É importante observar e ler as letras pequenas que possam estar no contrato quando for assinar.

Não fuja da lei

Procurar evitar advogados que usam termos indesejáveis em relação a qualquer situação ou caso. Os profissionais legalizados e experientes sabem que realmente pode fazer perante a lei. Caso contrário, eles não poderão lhe representar. Você não precisa dos serviços de profissionais como esses.

Não ter medo de demitir se você notar que o advogado que você escolheu não está fazendo o trabalho que você estava esperando. Se está ainda à procura de um, há várias coisas que deve observar, caso contrário você poderá a qualquer momento você pode cortar laços. Esta é uma decisão maior você pode normalmente fazer, por isso leve o processo a sério e a pessoa pela qual você está pagando precisará mostrar resultados.

Os advogados são pessoas ocupadas, e o seu caso pode ser um de muitos. Por isso deve estabelecer uma expectativa de comunicação, senão você pode ser esquecido. Então, deve deixar isso claro logo na primeira reunião. Certifique-se de que a sua expectativa é clara. Instale um bom sistema de comunicação com o seu advogado. Seja por e-mail, telefone e outros meios para evitar possíveis dúvidas.

Um erro que as pessoas cometem é contratar um advogado após algum tipo de acidente. Não só é contra as regras da conduta profissional, como em muitos estados é ilegal. Procure não mentir para o seu advogado. Tenha em mente que estabelecer uma relação profissional e que ele não foi contratado para julgá-lo. Esconder informações do seu advogado pode custar-lhe perder o caso. Reveja os detalhes várias vezes para garantir que não se esqueceu de nada.

Se desconfiar, evite contratar um advogado que não lhe der algumas referências. Você deve falar com duas ou três pessoas que podem lhe dar uma boa ideia do que esperar desse profissional uma vez que a pessoa que você contratar vai precisar saber exatamente o que está fazendo ao entrar no tribunal sem o risco de ter surpresas.

Qualquer advogado que lhe diga adiantado que seu caso vai ganhar não faz ideia do que estão falando. É necessário muito trabalho num caso jurídico, tanto na conversa com testemunhas ou investigação, o que conduzirá ao desenvolvimento da apresentação do seu advogado em tribunal. Isso significa que ele só que ganhar o seu dinheiro.

Pedir orientações a outros profissionais da área, é uma boa decisão. Eles podem aceitar o seu caso, ou indicar a um outro advogado que poderá lhe ajudar. Quando você já tem um advogado em quem você confia, não há razão para procurar conselhos em outro lugar. Há advogados por todo o lado que se especializam em diferentes áreas de estudo.

Agora você tem uma melhor compreensão sobre o que fazer ao escolher um advogado, precisa usar tudo o que leu neste artigo para chegar lá e encontrar um profissional dedicado que o levará à vitória. Uma vez que esta escolha é importante, você vai ficar grato por isso. Contratar um deles vai aumentar suas chances de sucesso